10 de janeiro de 2015

Histórias de Alice #30: Como posso rejeita-lo?


   Melhor amiga não quer dizer namorada, eu acho. Fiquei sem saber o que dizer. Fizemos nossos pedidos ao garçom e o silêncio após me incomodava. Me senti uma intrusa que estava atrapalhando eles de alguma forma.


_Gabi, era minha vizinha lembra? - Nico relembra finalmente interrompendo o silêncio desagradável.
_Lembro, encontramos ela no shopping. - recordo.
_Ela se mudou para esse bairro também, então decidimos comemorar sua mudança! - ele diz animado.
_Você vai gostar daqui, Gabriela...é uma região legal, com vários pontos de encontro, parque, shopping, sorveteria e muito mais! - falo contagiada com a animação dele.
_Nico me contou, é bem diferente do nosso antigo bairro, pelo o que vi, irei gostar de viver aqui, principalmente por ser perto de alguém muito especial para mim. - ela pisca em direção ao Nicolas.

  Espera ai, estou no meio de um encontro e não sabia? A garota paquerava ele o tempo inteiro e nem se importava se eu estava ali ou não. Nico parecia acostumado com isso, ele sorria algumas vezes e parecia incomodado em outras.

  Na verdade queria pegar a mão dele e sair correndo dali, queria tirar Nicolas da mira dela de alguma forma, só me faltou um pouquinho de coragem para tal ato. Saímos da sorveteria e enquanto caminhávamos para nossas casas encontramos Kelvin, ele parou para nós olhar, acenou e continuou caminhando em seguida.

_Espera Kelvin. - grito fazendo ele se virar e me olha sem entender. -- Você esta indo para casa? 
_Sim, estou...- ele responde confuso.
_Posso ir com você? Precisamos conversar.

  Kelvin coloca a mão na nuca, parecia pensar e um leve sorriso aparece em sua boca.

_Se quiser vir. - ele responde me olhando e olhando para Gabi e Nico em seguida.

   Me afasto dos dois indo em direção a ele. Ando para o lado oposto e olho de relance para Nicolas -não queria deixa-los sozinhos, mas precisava conversar com Kelvin o mais rápido possível- Nico também me olha, ele parecia incomodado com a minha decisão de ir para casa do Kelvin. Volto a olhar para frente e caminhamos lentamente.

_Quem era aquela garota com vocês? - Kelvin pergunta depois de um tempo.
_Aquela é a Gabriela antiga vizinha do Nico.
_Você esta bem, parecia incomodada? - ele me olha. 
_Gabi... Parece que gosta do Nicolas também. - digo e Kelvin desvia o olhar do meu.

Quem eu queria enganar? Ele sabia que na verdade eu estava triste.

_Esse garoto conquista todo mundo. - Kelvin murmura parando de andar, sua expressão estava séria, paro também ficando de frente a ele, sem hesitar Kelvin segura minhas mãos. -- Lice eu te amo...
_Kelvin eu sei e é por isso que vamos conversar. - o interrompo, porém ele continua mesmo assim.
_Deixa eu terminar! - ele sorrir acariciando minha mão com o polegar. -- Eu te amo e nunca faria nada para você ficar com essa expressão de tristeza no rosto, nunca. - ele beija minha testa soltando minhas mãos e volta a andar calmamente.

   Fico imóvel, Kelvin me amava mais do que imaginei, como posso rejeitar um amor tão grande? Só afasto meus pensamentos quando ouço sua voz.

_Terra chamando Lice. - ele estala os dedos em frente ao meu rosto sorrindo, sorrir de volta. -- Finalmente acordou! Já iria te deixar para trás, afinal quer ir a minha casa ou não? - Kelvin pergunta com humor.
_Claro que quero! - Pego sua mão e saio correndo, ele não entende nada, mas continua a me acompanhar correndo de mãos dadas.

  Quando chegamos em frente a casa, estávamos ofegantes.

_Alice você é a garota mais doida que eu conheço! - ele rir ainda ofegante.

   Entramos na sala vendo sua mãe assistir televisão, a abraço, pois a considerava uma segunda mãe, sempre muito carismática e divertida igual ao filho. Subimos até o quarto, dessa vez não iriamos jogar vídeo-game como de costume e sim conversar algo sério. 

  Kelvin abre a porta do quarto para mim, querendo ou não aquele quarto aguardava muitas lembranças das nossas risadas, da minha alegria e raiva por ele me deixar ganhar todas as vezes que jogamos, as panelas de brigadeiro que comíamos assistindo séries e filmes...Cada pedacinho daquele quarto bagunçado me lembrava algo. Olho para Kelvin que estava com uma expressão séria no rosto.


Leia Também:

8 comentários:

  1. Respostas
    1. \(>.<)/ é muita fofura Amanda!
      Beijinhos ♥

      Excluir
  2. Quais são os dias de postagem ? Estou amando a história, postei sobre ela lá no blog. Será que ela vai ficar com o Kelvin ?
    Espero que não.
    Eu gostei do Nicolas ..
    agarotaperfeita2.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não existem dias certos para postar a história,sempre tento postar com bastante frequência.Vi sua postagem,Obrigada pela divulgação e apoio,vocês são as melhores leitoras do universo!! Minhas melhores amigas.
      Será? Alice é indecisa então não sei!.
      Beijinhos ♥

      Excluir
  3. Ohh, tá ótima a história! Parabéns! ❤ Puro lovee! Situação difícil a da Alice, porque o Kelvin também é uma fofura...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alice já é confusa e ainda tem dois garotos fofos apaixonados por ela.Vamos ver aonde tudo isso vai dar!.
      Beijinhos ♥

      Excluir
  4. Cada vez mais amando sua história. O Nicolas e a Alice são dois fofos, ai, ai, o amor....♥

    http://uma-palavradefe.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo San! ♫ É o amor ♫
      Beijinhos ♥

      Excluir